Canção do dia

“Those Were The Days of Roses (Martha)” – Lee Hazlewood

Em 1973, o cowboy psicadélico de Oklahoma, Lee Hazlewood, já vivera muitas vidas (e muitas outras se seguiriam). A sua década de 60 ficou inevitavelmente marcada pelos duetos com Nancy Sinatra (para quem escreveu “These Boots Are Made For Walkin’” e cuja carreira relançou), mas a década seguinte não trouxe o mesmo sucesso. As músicas e os discos continuaram a ser incríveis, mas a sorte não queria nada com aquele sujeito de bigode e voz funda. Em 1973 sai Poet, Fool or Bum, um disco de título tipicamente hazlewoodiano, que entre várias pérolas trazia duas covers, algo relativamente raro na sua carreira: uma de Leonard Cohen e outra de Tom Waits, esta que nos traz aqui hoje. O original, intitulado “Martha“, fazia parte de Closing Time, o disco editado por Waits nesse mesmo ano de 73.  O tema, só por si, é lindíssimo, a história de um tipo que liga a uma antiga paixão uma data de anos depois, e se mete a lembrar os bons velhos tempos. Na sua versão, Hazlewood muda até o nome da música para “Those were the days of roses (Martha)”, reforçando essa nostalgia de amor jovem, visto pelo filtro de cor agridoce dos anos mais maduros. E se Waits, como era típico seu nesta altura, compõe o exercício exclusivamente à base de voz e piano, Lee dá-lhe totalmente o seu cunho pessoal: aquela voz grave e magnética, os arranjos épicos com toques de western e a abundância de cordas, tudo encontramos nesta fantástica versão. Uma música que une dois dos muito grandes da música norte-americana da segunda metade do século XX.

Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *