Canção do dia

“One Fine Morning” – Bill Callahan

Os efeitos da pandemia que paralisou boa parte do mundo não são menosprezáveis com lirismos. Não, não vamos todos ficar bem: dizê-lo é capaz de ser desconsiderar os mais de 100 mil que já morreram, os que ainda vão morrer e mais de um milhão e 800 mil pessoas que já foram apanhadas pelo vírus agora (que lesões terão de futuro?). Mas não há muito a fazer se não pensar: haverá uma bela bela manhã, “one fine morning”, que muitos de nós, os que ficaram bem, vão poder sair à rua. É o consolo possível, que nos resta a todos. Fica mais fácil acreditar que também há manhãs boas, que haverá manhãs luminosas, quando é o Bill Callahan a cantá-las. É também a canção com que começa a nossa mais recente “playlist da semana” — pode consultar todas aqui.

Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *