Reportagens

Oasis || Pavilhão Atlântico

Comments (3)
  1. OQE1BLOG diz:

    Vasco: concordo.

    Raul: concordo. Por isso mesmo referi a acústica do recinto primeiro. Falei mais da interacção com o público porque houve uma pessoa que mo tinha pedido.

  2. Raul Cisto diz:

    Qual é a relevância do grau de interacção de um intérprete para quem está interessado em apreciar a sua música? Muito menor do que a acústica de um recinto, diria eu.

  3. Vasco diz:

    O concerto dos oasis fez lembrar o de nirvana em cascais. As músicas falaram por si e não foi necessário recorrer a bajulações do género “I love you Portugal”, mais próprias de bandas como rolling stones ou u2, que repetem os mesmos elogios em todos os países.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *