Álbuns

Butthole Surfers – Locust Abortion Technician (1987)

Comentários (4)
  1. Anonymous diz:

    Eu ouvi os BHS pela primeira vez em meados dos anos 90 à pala da MTV – quando a estação ainda cagava ainda alguma coisa de jeito.
    “Who was in my room last night” deixou-me banzado como os seios da keeley hazell.

  2. Raul Cisto diz:

    não confirmo nem desminto, Alex.

  3. Alex diz:

    Por acas acho que há algumas incorrecções/omissões neste post, nomeadamente:
    – O tenista Brian Feno tocou apenas umas músicas com os Butthole Surfers, uma vez que os seus compromissos para com a organização do Estoril Open não permitiram mais;
    – O single “USSA”, apesar de ter sido o mais comercial não foi o de estreia. Esse foi sim “Jails for All”;
    – As músicas do álbum em análise não são todas assinadas por Ruth Vanda, as número 4 e 7 são da autoria do seu irmão Maris Vanda, se bem que ainda hoje discutem em tribunal essa questão;
    – Desse acto que chamas “minuete de chantilly” nasceu um dos mais promissores tocadores de oboé de sempre na sua classe do colégio Valsassina. Ainda hoje é uma futura esperança.
    – Convém também realçar que na realidade, “22 going on 23” foi buscar referências aos joelhos do Forrest Gump, que esse sim ensinou o Elvis a dançar.

  4. Frederico Batista diz:

    WTF???

Escrever resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *